O nascimento de um bebê prematuro ou deficiente: questões de bioética na comunicação do diagnóstico release_aatuzxbr4famddhakh74exdojq

by Solimar Ferrari, Vera Lúcia Zaher, Maria De Jesus Gonçalves

Published in Psicologia USP by FapUNIFESP (SciELO).

Volume 21p781-808 (2010)

Abstract

O nascimento prematuro de uma criança ou acompanhado de alguma anomalia congênita representa para os pais um impacto sobre as expectativas de ter um filho saudável. Este trabalho fez um recorte sobre o referencial bioético da solidariedade, na intervenção em saúde como mecanismo de humanização da comunicação do diagnóstico aos pais sobre o nascimento de um bebê prematuro ou deficiente. A pesquisa qualitativa foi realizada numa maternidade pública do Estado de São Paulo onde foram entrevistadas doze mães e dois casais que vivenciaram o nascimento de uma criança prematura ou deficiente, além de quinze médicos neonatologistas. Os dados obtidos mostram que comunicar o diagnóstico de deficiência ou prematuridade nãoé tarefa simples para ambas as partes envolvidas no processo. A solidariedade permite construir um espaço de reflexão de dois aspectos importantes encontrados nesta pesquisa: o acolhimento aos pais e a possibilidade de construção de redes sociais de apoio.
In application/xml+jats format

Archived Files and Locations

application/pdf  233.2 kB
file_uvcz57bdqjee3fdjge3uzazaju
www.scielo.br (repository)
web.archive.org (webarchive)
application/pdf  254.7 kB
file_ugzyj4j25jbfvbdkl3mtuejffu
web.archive.org (webarchive)
www.redalyc.org (web)
Read Archived PDF
Archived
Type  article-journal
Stage   published
Year   2010
Container Metadata
Open Access Publication
In DOAJ
In ISSN ROAD
In Keepers Registery
ISSN-L:  0103-6564
Work Entity
access all versions, variants, and formats of this works (eg, pre-prints)
Catalog Record
Revision: 7310684a-d871-4a3e-a76d-188c395312da
API URL: JSON